sexta-feira, março 25, 2011

OFICIALMENTE REVOGADO! : )))

Imagem daqui (não tem nada a ver mas gostei)

Parabéns a todos que estiveram nesta luta! Agora falta o resto : )

4 comentários:

donatien alphonse françois disse...

Um longo caminho a percorrer...Que ninguém adormeça.

Margarida Az disse...

De acordo!

Anónimo disse...

Votação aqui:
http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=HiQWQ7IfF5k
Educação: Oposição parlamentar aprova fim do modelo de avaliação dos professores
25 de Março de 2011, 15:25

A oposição parlamentar aprovou hoje a revogação do atual sistema de avaliação de desempenho dos professores com os votos favoráveis de PSD, PCP, BE, PEV e CDS-PP e contra da bancada do PS e do deputado social-democrata Pacheco Pereira.

O texto aprovado na generalidade, especialidade e votação final global substituiu os projetos de lei do PCP e PSD sobre a matéria e tinha também sido subscrito pelo Bloco de Esquerda e Os Verdes.

O diploma determina a revogação do decreto-regulamentar que define as regras da avaliação de desempenho dos professores e o início de um processo negocial entre Governo e sindicatos para concretizar um novo modelo.

O texto de substituição, que foi dispensado de redação final, recebeu o voto contra da bancada socialista e do social-democrata Pacheco Pereira, que votou contra todos os diplomas.

Apesar desta votação, o Parlamento pronunciou-se à mesma na generalidade sobre os projetos de lei do PCP e do PSD, que foram aprovados com os votos favoráveis de PSD, CDS-PP, BE, PCP e PEV e contra do PS e de dois deputados sociais-democratas.

Aliás, em relação ao diploma dos sociais-democratas, vários deputados do PSD anunciaram a apresentação de declarações de voto, entre os quais Pacheco Pereira, Manuela Ferreira Leite, José Luis Arnaut e Maria José Nogueira Pinto.

O projeto de lei do Bloco de Esquerda que previa a suspensão do atual modelo e definia um novo sistema de avaliação foi rejeitado pelos votos contra do PS e Pacheco Pereira, a abstenção de PSD e CDS-PP e os votos favoráveis de BE, PCP e e PEV.

Foram ainda aprovados os projetos de resolução do CDS-PP e do PSD – portanto recomendações ao Governo - que enunciam princípios orientadores do futuro modelo de avaliação de desempenho dos professores.

A ministra da Educação, Isabel Alçada, disse que vai ser impossível fazer um novo modelo de avaliação para o próximo ano lectivo.

@Lusa

Cinco estrelas!

Alergia disse...

A Ministra diz que vai recorrer a juristas! Ai para isso já têm juristas?
Será que vai obedecer aos tribunais? E não saberá para que serve um Parlamento?
Quando foi para atropelar a lei só teve anti-juristas! :(